Notícias Membros

Prémio de Sustentabilidade das Empresas SONAE distingue Eco-Eficiência do Pólo Logístico da Maia

O Fórum da Sustentabilidade das Empresas Sonae lançou uma iniciativa que pretende reconhecer os projetos sustentáveis nas áreas ambiental, de recursos humanos e de responsabilidade corporativa. A primeira edição do Prémio de Sustentabilidade das Empresas Sonae teve como vencedor o Pólo Logístico da Maia, uma referência internacional em termos de eficiência ambiental, económica e social.

 

O Pólo Logístico da Maia foi o grande vencedor da primeira edição do Prémio de Sustentabilidade promovido pelas Empresas Sonae. O projeto destaca-se pela incorporação dos princípios de sustentabilidade em todas as fases, desde a construção, ao nível das infraestruturas desenhadas, até à definição e implementação dos processos operacionais.
O desenvolvimento deste projeto permite demonstrar que a implementação de medidas eficientes a nível ambiental tem impacto positivo também a nível económico e social, com poupanças de custos assinaláveis e melhoria das condições de trabalho. O prémio abrange a Sonae e suas áreas de negócio, a Sonae Indústria e a Sonae Capital, tendo sido enviadas mais de três dezenas de candidaturas.
O Prémio de Sustentabilidade das Empresas Sonae procura incentivar a implementação de medidas para reforçar o desenvolvimento sustentável em cada área de negócio e distingue os melhores projetos que conciliam as vertentes económica, ambiental, social e envolvimento com as partes interessadas.
Luís Reis, presidente do Fórum de Sustentabilidade das Empresas Sonae, realça que “mais do que o número de candidaturas é impressionante o número de pessoas envolvidas em cada um dos projetos e o entusiasmo com que os implementam. No final, as pessoas fazem a diferença, são pessoas extraordinárias que levam a que os projetos que foram hoje premiados sejam referências mundiais nos diferentes setores, e são demonstrativos de que a Sustentabilidade é hoje parte integrante da nossa cultura”.
A primeira edição do Prémio de Sustentabilidade das Empresas Sonae distinguiu como vencedor o Pólo Logístico da Maia, e atribuiu quatro menções honrosas aos projetos: Desenvolvimento de Centros Comerciais Sustentáveis, Centro Comercial Le Terrazze, Conservação de Energia no Centro Comercial River Plaza e Ecoponto do Pátio Brasil Shopping.

Informação sobre os projetos distinguidos
Vencedor: Pólo Logístico da Maia
O Parque de Negócios de Empresas Sonae na Maia, onde se inclui o Pólo Logístico da Maia, é um “projeto exemplar” em termos de sustentabilidade e eco-eficiência de edifícios. Composto por áreas para escritórios e serviços, indústria e logística de retalho, ocupa uma área total de terreno de 326 mil m2 com área de construção acima do solo de 193 mil m2.
O projeto destaca-se pela incorporação em todas as fases do princípio de sustentabilidade, desde a sua fase de construção, ao nível das infraestruturas desenhadas até à definição e implementação dos processos operacionais. Entre muitos outros, foram tratados de forma eficiente todos os resíduos durante a construção, foram desenhados e definidos equipamentos com vista a uma eficiência ao nível da utilização de energia e águas, e ao nível operacional foram definidos processos e materiais mais eficientes, como por exemplo carregadores de alta frequência, filme pré-estirado, etc.
Esta preocupação ambiental permitiu poupanças económicas significativas. A instalação de carregadores de alta frequência gerou uma poupança de cerca de 20 a 30% em tempo de carga e energia gasta, a utilização de placas translucidas nas paredes dos entrepostos e utilização de iluminação T5 conduziu a uma poupança na ordem dos 20% em iluminação, e assistiu-se a uma redução em cerca de 40% dos consumos de água com utilização das águas dos lavatórios para as sanitas, da água das chuvas para rega e da água captada em furos para os equipamentos de frio.
A nível social, o Pólo Logístico da Maia implicou uma componente importante ao nível da formação dos colaboradores, de forma a reforçarem práticas de sustentabilidade no seu dia-a-dia profissional com uma melhoria evidente nas suas condições de trabalho (ex.: luminosidade), melhorando a sua segurança e inclusive a sua saúde. Além disso, esta maior consciencialização extravasou o universo da própria empresa, com os colaboradores a levaram estas práticas e conceitos para as suas famílias e pessoas do seu círculo familiar e social, sendo elementos de difusão deste princípio de sustentabilidade na nossa sociedade.

Menções Honrosas
Desenvolvimento de Centros Comerciais Sustentáveis
Para alcançar este objetivo, a Sonae Sierra criou a Safety, Health and Environmental Development Standards (Padrão de Segurança, Saúde e Desenvolvimento Ambiental), uma ferramenta especial que incluiu 179 padrões de design e desenvolvimento com base na experiência adquirida, nas melhores técnicas disponíveis e nos sistemas de certificação internacionais, como LEED ® e BREEAM.
Um dos objetivos da Sonae Sierra é ser pioneira no desenvolvimento de centros comerciais com menor impacto ambiental, integrados na comunidade local e mais seguros para os visitantes e trabalhadores. Nesse sentido, a empresa projeta os seus centros comerciais para terem menores custos operacionais e manter o seu valor no futuro dada a crescente concorrência, os regulamentos ambientais cada vez mais rigorosas e os recursos mais limitados.

Centro Comercial Le Terrazze
O Centro Comercial Le Terrazze foi o primeiro local de construção no mundo a ser distinguido em simultâneo com as certificações ISO14001 e OHSAS 18001 pelas suas práticas de Saúde, Segurança e Sistema de Gestão Ambiental. Localizado em Itália, conta com 38,600m2 e representou um investimento de 125 milhões de euros, sendo responsável por 700 postos de trabalho.

Conservação de Energia no Centro Comercial River Plaza
O River Plaza Mall, localizado na Roménia, tem uma área bruta de 11.725 m2 e contou com cerca de 3,18 milhões de visitantes em 2011. Adquirido em 2007, o projeto apresentava ineficiências, pelo que foi estabelecida como prioridade a implementação medidas para maximizar a eficiência energética de modo a alcançar poupanças. Como resultado do trabalho realizado, em 2010 tornou-se o primeiro centro comercial no País a receber a distinção de “Energeric Building Certification”, de acordo com as diretivas europeias. Adicionalmente, o investimento realizado foi recuperado em pouco mais de um ano, dado que foram geradas poupanças anuais superiores a 50 mil euros.

Ecoponto do Pátio Brasil Shopping
Num projeto pioneiro no Brasil, o Pátio Brasil Shopping, localizado em Brasília, desenvolveu o Ecoponto, um espaço para coleta seletiva de lâmpadas fluorescentes usadas, além de pilhas e baterias. O centro comercial recolhe todo o material entregue pela população e encaminha-o gratuitamente para descontaminação e reciclagem. Com isso, evita-se que os metais pesados que compõem esses objetos, como mercúrio (Hg), cádmio (Cd) e bário (BA), sejam despejados em aterros sanitários e contaminem meio ambiente e população. Desde 2008, o espaço de promoção do projeto é montado na Praça Central do shopping no último fim de semana de cada mês.